.

.

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Após trocar mensagens, mulher tem mãos cortadas por marido

Um marido cortou as mãos da esposa após descobrir que ela estava trocando mensagens de texto com outro homem. O caso ocorreu em um vilarejo próximo a Moscou, na Rússia, na última segunda-feira (11/12).

Margarita Grachyova, de 25 anos, já havia denunciado o psicólogo Dmitry, de 26 anos, por outros comportamentos violentos. Eles não moravam mais juntos, mas o homem, que recentemente parecia ter se arrependido das suas atitudes e havia parado com as ameaças e os ataques, ofereceu ajudar a levar os filhos para a escola, segundo o Daily Mail.

Ele viu que ela estava trocando mensagens de texto com um colega de trabalho. No caminho de volta, o marido a levou para uma floresta deserta, e cometeu a agressão. Com um machado ele esmagou os dedos da mulher, depois fez um corte na sua cintura e por fim cortou suas mãos. Durante todo o ataque ela permaneceu consciente.

Em seguida, o marido a levou para o hospital e se entregou para a polícia. Antes de cometer o crime, ele mandou uma mensagem para a mãe: “Por favor, me perdoe. Eu não consigo mais viver assim, quando eu estou sendo traído”. Antes de sair do trabalho, também falou para os colegas: “Vocês vão ter notícias de mim logo”.

Os médicos conseguiram costurar uma das mãos de volta, mas ainda não é possível saber se Margarita conseguirá recuperar os movimentos. O outro membro decepado estava tão danificado que não foi possível salvá-lo. Dmitry foi preso preventivamente.

Enquanto estavam juntos, o marido tinha tanta certeza que havia sido traído, que chegou a levar a esposa para fazer um exame em um detector de mentiras. O resultado provou a fidelidade de Margarita, embora Dmitry insistisse que o seu caçula era filho de outro homem.

Em novembro, ele havia tentado atacá-la com uma faca, e ameaçou jogar ácido no seu rosto caso a esposa não desistisse do divórcio. Foi após este episódio que ela saiu de casa. Com informações do Portal Metrópoles.

0 comentários:

Postar um comentário