.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Tribunal marca julgamento de Lula para o dia 24 de janeiro

O Tribunal Federal Regional da 4ª Região (TRF-4) marcou o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para o dia 24 de janeiro sobre o caso do tríplex no Guarujá, em São Paulo. O desembargador Leandro Paulsen, que integra a Corte, pediu a marcação do julgamento à secretaria da 8ª Turma nesta terça-feira (12). Ele é responsável por revisar o voto do desembargador João Pedro Gebran Neto, relator do caso no TRF-4.

O relatório foi desenvolvido em menos de dois meses. Ao todo, foram 42 dias entre a condenação pelo juiz Sérgio Moro, da primeira instância, e o início da tramitação do recurso na segunda instância. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, o trâmite foi o mais rápido entre todas as apelações da Operação Lava Jato com origem em Curitiba.

A defesa do ex-presidente reclama da rapidez como o processo foi conduzido. "Pelo levantamento que fizemos, foi uma tramitação recorde. O que está em discussão é a isonomia de tratamento dada a Lula. Ele deveria ser tratado como todos os outros réus", afirmou o advogado Cristiano Zanin, responsável pela defesa do petista, em entrevista à colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

0 comentários:

Postar um comentário