.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

segunda-feira, 1 de outubro de 2018

PM descobre fábrica de armas após prender mototaxista com submetralhadora; 2 homens morreram em confronto

Após a abordagem e prisão em flagrante de um mototaxista flagrado com uma submetralhadora, na Praça da Matriz, em Feira de Santana, no início da tarde de domingo (30), policiais da Rondesp Leste localizaram uma fábrica de armas em São Gonçalo dos Campos.
Durante a ação, houve um confronto e dois homens que participaram da troca de tiros com os policiais foram atingidos e morreram.
Segundo o major Himério Martins, comandante da 97ª CIPM de Irará e supervisor do dia no Comando de Policiamento Regional Leste (CPRL), o mototaxista Osmar da Conceição Pinheiro , 28 anos, morador do bairro Mangabeira, informou a localização da residência que funcionava como fábrica e disse que ele era o responsável pela distribuição em Feira de Santana.
“Com estas informações nos deslocamos para São Gonçalo dos Campos e fizemos cerco, momento em que alguns elementos surgiram pelo fundo já atirando contra a guarnição. Houve o revide e dois deles foram atingidos e socorridos para o hospital de São Gonçalo, onde morreram. Continuamos com as diligências e no interior da casa constatamos o que o primeiro elemento havia informado. Era uma fábrica. O mototaxista fazia a entrega em Feira. Aumentou muito o número de submetralhadoras apreendidas e essa fábrica explica o motivo”, relatou o major ao Acorda Cidade.
Durante o confronto foram mortos Tássio Soares Macedo, 32 anos, que residia em São Gonçalo, e Anderson Lacerda Santos, 29 anos, que morava no bairro Liberdade, em Feira. Eles portavam uma submetralhadora calibre 9mm e uma espingarda calibre 12. A esposa de um deles informou que o mesmo já esteve preso por tráfico de drogas. Os demais homens que estavam na fábrica, localizada na zona rural, fugiram entrando em um matagal.
O mototaxista preso estava em uma motocicleta Yamaha Fazer preta, de placa JRF-8936, e além da submetralhadora de fabricação artesanal de calibre 9mm, ele portava um carregador com capacidade para 50 cartuchos.
▪ Material apreendido na operação:
02 submetralhadoras calibre 9mm;
01 espingarda calibre 12;
02 máquinas de solda da marca vonder;
10 canos;
06 empunhadores;
34 cartuchos de diversos calibres;
58 estojos de diversos calibres;
02 cartuchos calibre 12;
01 calibre.38 deflagrado;
02 estojos calibre .32 deflagrados;
01 bornal;
01 par de coturnos;
01 torno;
07 carregadores de aço;
06 ferrolhos ;
01 coronha;
10 molas para carregadores;
01 mola para ferrolho;
07 guarda-matos;
01 furadeira vonder;
01 lixadeira Bosch;
diversas ferramentas para fabricação de armamento.

0 comentários:

Postar um comentário