.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

sábado, 5 de janeiro de 2019

Haddad e Bolsonaro trocam farpas e petista convoca presidente para debate

O período de campanha eleitoral chegou ao fim, mas a rixa entre o presidente Jair Bolsonaro (PSL) e o ex-presidenciável Fernando Haddad (PT) parece estar longe de acabar. Neste sábado (03), Bolsonaro disparou contra o petista nas redes sociais e voltou a chamá-lo de “marmita” [do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva].

“Haddad, o fantoche do presidiário corrupto, escreve que está na moda um anti-intelectualismo no Brasil. A verdade é que o marmita, como todo petista, fica inventando motivos para a derrota vergonhosa que sofreram nas eleições, mesmo com campanha mais de 30 milhões mais cara”, escreveu.
Em resposta, Haddad explicou que, na verdade, o comentário sobre a moda de um “anti-intelectualismo no Brasil” havia sido feito por um jornalista da Deutsche Welle. Ainda no Twitter, o petista voltou a convocar o presidente para um “debate frente a frente”. No Instagram, Haddad compartilhou a troca de farpas e voltou a falar de Bolsonaro.
“Parece que o Jair quer debater comigo pelas redes sociais. Já é um bom começo. Hora dessas ele toma coragem! Reparem a educação do moço: coisa de estadista”, ironizou.
(Foto: reprodução/Twitter) 

0 comentários:

Postar um comentário