.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Suspeito de espancar mulher no RJ tem registro de agressão contra irmão deficiente

 A Polícia Civil descobriu que Vinicius Batista Serra, 27 anos, acusado de ter espancado a paisagista Elaine Perez Caparros, 55 anos, no apartamento dela, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, no último fim de semana por 4 horas, tem um registro de agressão contra o próprio irmão, que é deficiente físico.
O registro foi feito pelo próprio pai do agressor, no dia 8 de fevereiro de 2016. O pai contou à polícia que naquela madrugada, por volta das 2h30, acordou com gritos vindos do quarto dos filhos. Ao abrir a porta, encontrou Vinicius desferindo golpes de jiu-jitsu contra o irmão. Ao tentar apartar, o pai também foi agredido com um soco no rosto, desferido por Vinicius. Ontem à tarde, a Justiça decretou a prisão preventiva dele.
O motivo da agressão, contado pelo pai na polícia, foi o sumiço de R$ 1,2 mil que teriam desaparecido do quarto e o agressor acusou o irmão. O dinheiro estava numa caixa que a mãe tinha retirado do quarto e que depois apareceu. O caso não prosseguiu, porque o pai, tempos depois, retirou a queixa contra o filho na Justiça.

0 comentários:

Postar um comentário