Header Ads

Seo Services

Suspeitos de matar Marielle Franco são transferidos para presídio federal

Os suspeitos do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista dela Anderson Gomes foram transferidos para um presídio federal no Rio Grande do Norte. A informação foi divulgada apenas na sexta-feira (29), por motivos de segurança, no entanto, a transferência aconteceu na quinta (28).
O policial militar reformado, Ronni Lessa, e o ex-PM, Élcio Vieira de Queiroz, foram detidos por suspeita de participação no crime. Antes de serem transferidos eles estavam detidos no presídio de segurança máxima no Complexo Prisional de Bangu.
A vereadora e o motorista foram assassinados durante um atentado em 14 de março de 2018, no Rio de Janeiro. Segundo as investigações, Ronni seria o executor e Élcio o motorista do carro que perseguiu a parlamentar.
(Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil)

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.