Header Ads

Seo Services

Deputada Flordelis é intimada a depor em investigação sobre morte do marido

A deputada federal Flordelis (PSD-RJ) irá depor no inquérito que investiga a morte do marido dela, o pastor Anderson do Carmo de Souza, de 42 anos. A deputada foi intimada pela delegada Barbara Lomba, da Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG), na sexta-feira (21).
Neste sábado (22), a assessoria de Flordelis informou que ela irá comparecer na delegacia na próxima segunda (24), mas garante que ela não é suspeita do crime e que irá depor apenas como testemunha. “Embora, como parlamentar, a deputada tenha a prerrogativa de escolher o dia e o local do depoimento, ela decidiu aceitar o convite nos termos formulados pela polícia, porque tem o interesse de colaborar com as investigações”, diz a nota.
Um dos filhos de Flordeliss, Flávio dos Santos, confessou à polícia que foi o autor dos seis disparos que mataram o padrasto. Em um segundo depoimento, outro filho dela, que não foi identificado, apontou que ela e três irmãs dele foram as autoras da execução. A arma utilizada no crime foi encontrada dentro da casa, mas o celular usado pela vítima ainda está desaparecido.
Segundo a delegada, foram quebrados os sigilos telefônicos de Anderson e Flávio. O da deputada também foi solicitado, mas o pedido não foi aceito pela Justiça. O conteúdo será analisado pela Inteligência.
“Todos que estavam na casa no momento do crime estão sendo objeto de investigações. Incluindo a deputada Flordelis. Nós ainda não temos uma motivação. Ela foi intimada hoje (sexta-feira) a depôr, e seu depoimento deve acontecer na próxima semana. Ainda sem data marcada”, disse a delegada Bárbara Lomba, da DHNSG. Vinte pessoas já foram ouvidas pela polícia, sendo dez da família.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.