Header Ads

Seo Services

.

.

Foguetes voltam a atingir proximidades da embaixada dos EUA no Iraque

Zona verde de Bagdá é uma área fortificada que abriga representações diplomáticas, como a dos EUA
© Google MapsZona verde de Bagdá é uma área fortificada que abriga representações diplomáticas, como a dos EUA 
    
     Três foguetes atingiram nesta 2ª feira (20.jan.2020) área próxima à embaixada dos Estados Unidos em Bagdá, no Iraque. Os artefatos caíram na zona verde, parte da capital onde ficam sediadas algumas das embaixadas no país. As informações são das agências de notícias France Press e Reuters.
Ainda não se sabe quem atirou os foguetes ou se o alvo era a sede norte-americana em Bagdá. Eles foram disparados do distrito de Zafaraniyah, fora da capital. A polícia local informou que ninguém ficou ferido.
As explosões foram ouvidas horas depois de 1 confronto no centro Bagdá entre policiais e manifestantes. O embate terminou com 6 mortos e dezenas de feridos.

Alvo repetido

Em 8 de janeiro, outros 2 foguetes já tinham caído na zona verde de Bagdá. Também não houve relato de vítimas nem da origem dos disparos, na ocasião.
O lançamento de projéteis do tipo conhecido como katyusha são frequentes no país. O desta 2ª feira (20.jan) foi o 4º desde que os Estados Unidos fizeram ataque com drones no aeroporto de Bagdá, em 3 de janeiro, que resultou na morte do líder da poderosa Força Quds do Exército de Guardiães da Revolução Islâmica, o general Qassim Soleimani.
Fonte: Poder360

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.