Header Ads

Seo Services

Valença: Moradores acusam DPT de deixar corpo em porta de residência após serem acionados; Vídeo



Coordenador interino informou que cumpriu procedimento para mortes naturais.


Um vídeo enviado para a redação de Livre, na noite deste sábado (18) deu conta de uma denúncia de moradores do Entroncamento de Valença, no Baixo Sul da Bahia – BR-101, acerca da ação da Polícia Técnica, considerada por eles como irresponsável.
Nas imagens capturadas por uma mulher, é possível visualizar o veículo coletor de corpos do Departamento de Polícia Técnica, da 5ª Coordenadoria de Polícia do Interior deixando o local, após, segundo a cinegrafista, abandonar o corpo.
O que declarou o DPT
Em contato com o coordenador interino, Marcelo Viana, do DPT, Livre acessou a informação de que após serem chamados, técnicos do departamento dirigiram-se ao local para averiguar a situação e se depararam com a situação de uma morte natural, embora o homem estivesse as margens da pista.

“Não houve morte violenta, houve naturalidade no falecimento”, pontou o coordenador, informando que existe portaria da Secretaria Estadual de Segurança Pública, determinando que neste período de pandemia apenas mortes consideradas violentas deverão ser apuradas pelo DPT, bem como a coleta dos corpos de envolvidos.
“Nosso perito fez todas as avaliações, e inclusive recebeu a informação do pai do homem que o mesmo era alcóolatra e haveria feito há pouco tempo uma delicada cirurgia”, informou.
A Prefeitura de Valença foi acionada pelo próprio funcionário que participou da ação e envidou esforços para o velório e funeral do cadáver.
Confira o vídeo:


Fonte: Livrenoticias

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.