terça-feira, 29 de agosto de 2017

Anitta se defende de acusações sobre apropriação cultural: “Não me importo”

Foto: Reprodução / Instagram
Anitta quebrou o silêncio sobre a acusação de apropriação cultural, após utilizar tranças para gravar seu novo clipe, da música “Vai, Malandra”. Questionada pelo site G1 sobre as acusações, a funkeira respondeu que não está se importando com o assunto.

“Eu me importo com coisa que realmente vai mudar o futuro do nosso país, que vá mudar a vida das pessoas. Uma trança é uma trança”, disse Anitta, que neste último domingo (27) fez show na cidade de Vitória da Conquista.
Anitta já havia sido acusada de apropriação cultural durante o Carnaval de Salvador, neste ano, quando também colocou as tranças para cantar. Recentemente outra artista também foi centro desta polêmica: Isabella Santoni, da TV Globo, utilizou as tranças e recebeu muitas críticas nas redes sociais.

0 comentários:

Postar um comentário