.

.

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Cidade baiana entrega fardamentos pequenos a alunos e secretária espera nova remessa

Depois das mochilas gigantes de Jequié, que viraram notícia em veículos de todo o Brasil, foi a vez da Secretaria Municipal de educação da cidade de Saubara, localizada a 100km de Salvador, ser alvo de críticas da população. De acordo com denúncia recebida pelo Varela Notícias, alunos da rede municipal de Saubara receberam uniformes escolares com tamanho inferior à idade dos alunos.
O fato estaria causando uma série de problemas, dentre eles desistência de alunos em ir à escola por conta de brincadeiras de colegas. Em uma foto, divulgada nas redes sociais e obtida pelo VN, é possível ver estudantes com fardamento menor do que aparentemente deveriam usar.
Em contato com o Varela Notícias, a secretária de educação de Saubara, Maria de Lurdes, disse que uma nova remessa de fardamento deve chegar ainda nesta sexta-feira (04) ao município e na próxima semana a situação estará resolvida. “No universo de 2000 alunos, eu tenho 69 que estão sem farda”, disse. De acordo com a secretária, a farda não serviu para alguns estudantes por eles estarem “acima do tamanho e do peso”.
“Um menino de 11 anos, por exemplo, não deu em uma camisa de 16. Tem casos de meninos que ainda estão no Fundamental 1 e vestem camisa acima de 16. O menino é que está fora do padrão. Isso requer paciência de um tempo para que outra remessa chegue. Estamos providenciando, deve estar chegando amanhã [nesta sexta] às 8h, eu acredito que na segunda-feira a situação já foi resolvida”, falou.
A secretária ainda explicou que a denúncia pode ter sido feita por pessoas mal intencionadas: “Eu me considero uma pessoa de prestígio e respeito, e de repente uma coisa que não fugiu do controle e está sendo resolvida, vai pra mídia de uma forma desrespeitosa. Quando você é séria e está na comunidade, essas coisas acabam incomodando”.

0 comentários:

Postar um comentário