.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

quinta-feira, 7 de junho de 2018

Mãe morre após saber que filho PM foi executado

O policial militar Douglas Fontes, lotado no 15º BPM (Caxias), morreu baleado na madrugada desta quinta-feira após uma tentativa de assalto em Jardim Gramacho, Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. 

Uma equipe da Polícia Militar foi acionada para a ocorrência e encontrou o agente de 35 anos já morto no local.

A assessoria da Polícia Militar confirmou que a mãe do policial passou mal ao saber da notícia da morte do filho. Ela chegou a ser socorrida para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Sarapuí, em Caxias, mas não resistiu e morreu.

Fontes foi abordado por criminosos, que tentaram roubar seu veículo na Avenida Rio Branco. Dois deles estariam armados com fuzis. Segundo uma testemunha, os bandidos viram a arma do policial e abriram fogo contra a vítima, que morreu atingida pelos disparos. 

O agente estava acompanhado da namorada no momento da execução. Fontes, que atuava há 12 anos na corporação, é o 54º policial militar morto em situação violenta no Rio em 2018.

0 comentários:

Postar um comentário